Revisão da literatura sobre a síndrome de Tourette

  • Ana Célia Guedes Roque Ferreira UNIFIPMoc
  • Bárbara Cristina Dias Gonçalves
  • Maria Eduarda Veloso Amaral
  • Gabriel De Oliveira Cangussu
  • Amanda Ramos Barreto Ferreira
  • Luis Ricardo Santos Rodrigues

Resumo

RESUMO

Introdução: A Síndrome de Tourette (ST) destaca-se por ser uma desordem que acomete principalmente crianças e tem como característica a presença de múltiplos tiques motores e vocais naqueles que a portam. Com isso, estudos epidemiológicos têm demonstrado que a Síndrome se associa ao Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC), Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) e dificuldade de aprendizado, tendo como consequência notável comprometimento psicológico e social na vida dos que levam consigo a doença. Objetivo: Analisar a epidemiologia, incidência e prevalência, etiologia e fisiopatologia, sintomatologia clínica e formas de diagnóstico e tratamento da Síndrome de Tourette. Materiais e Métodos: Trata-se de uma narrativa de literatura. Resultados e Discussão: Realizou-se um estudo um estudo acerca de uma desordem neuropsiquiátrica, a Síndrome de Tourette, sendo possível analisar dados acerca de incidência, prevalência, sintomatologia, etiologia, fisiopatologia e diagnostico. Conclusão: A ST resulta de uma perturbação neuropsiquiátrica, a qual causa vários prejuízos psicossociais e educacionais nos indivíduos que a carregam com si. O diagnóstico e tratamento precoce tem como intuito minimizar esses danos. Desta forma, conhecer os aspectos gerais que norteiam a ST é de fundamental importância para preservar a qualidade de vida dos portadores da doença.

 

PALAVRAS-CHAVE

Sindrome de Tourette; Distúrbios; Epidemiologia.

Publicado
2020-04-09
Seção
Artigos