O IMPACTO DA DEFICIÊNCIA ADQUIRIDA NO MICROSSISTEMA FAMILIAR

  • Antônio Fernando Alves Leal Neri
  • Júlia Sursis Nobre Ferro Bucher-Maluschke
  • Sérgio Sampaio Bezerra

Resumo

Este trabalho analisa questões referentes ao impacto da deficiência adquirida de um filho/irmão no microssistema familiar. O objetivo do presente estudo foi investigar os impactos da deficiência adquirida de um filho/irmão no microssistema familiar na relação conjugal, paternal e fraternal, pois se acredita que conhecer a estrutura e a dinâmica dessas famílias contribuirá para a melhor compreensão dessa realidade e, com isso, se permitirá a formulação de políticas públicas que possam atuar adequadamente no enfrentamento das dificuldades sentidas por genitores e irmãos no cuidado com esse filho/irmão com deficiência. De abordagem qualitativa, o estudo exploratório contou com a participação de duas famílias, que têm um filho (a)/irmão(a) com deficiência adquirida. Os principais resultados apontam para o sofrimento dos familiares, havendo a preocupação desses familiares quanto ao futuro do filho/irmão com deficiência adquirida, sendo isso relatado de forma positiva. Novas pesquisas se fazem necessárias, a fim de que se possa ampliar a compreensão do tema e se possa oferecer maior gama de recursos para o suporte aos pais e irmãos de filho/irmão com deficiência adquirida.

Publicado
2021-08-02