A INSERÇÃO ESCOLAR NA PERSPECTIVA DO FILHO COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL E A SUA MÃE

  • Luiza Mônica Assis da Silva
  • Christoph de Oliveira Käppler
  • Júlia Oliveira Teixeira
  • Janaina Moreira Pedroso

Resumo

O objetivo deste estudo foi compreender os múltiplos contextos e as perspectivas do sujeito com deficiência intelectual e da sua família, no que se refere à inclusão escolar, analisando os impactos da inclusão escolar e da deficiência intelectual na vida. Adotou-se a perspectiva Bioecológica de Bronfenbrenner na análise do Microssistema, Mesossistema, Exossistema, Macrossistema e Cronossistema. O método empregado foi o qualitativo, por um estudo de caso. Participaram da pesquisa um homem de 19 anos de idade, com diagnóstico de Deficiência Intelectual Moderada, frequentador do 3º ano do ensino médio do ensino regular em uma escola pública no Distrito Federal, e a sua mãe. Os instrumentos utilizados foram: o Ciclo de Vida da Família; Ecomapa; Genograma; Construção de História pelas Imagens Indutoras; duas entrevistas com questões semiestruturadas e um questionário de pais. Os resultados mostram as dificuldades encontradas pelo participante na inclusão em uma escola regular e reforçam que considerar as experiências e as percepções do sujeito e da sua família acerca da inclusão escolar contribuem para o aprimoramento do processo, assim como beneficiam o aprendizado e a superação da segregação de pessoas com deficiência nesse ambiente.

Publicado
2021-08-05