REFLEXÕES SOBRE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E SITUAÇÕES DE DEPENDÊNCIA NO CONTEXTO DA PANDEMIA DA COVID-19: O CASO DA REDE APAE

Autores

  • Cecília Gomes Muraro Alecrim
  • Ana Luísa Coelho Moreira
  • Marineia Crosara de Resende
  • Diego Ferreira Lima Silva
  • Éverton Luís Pereira

Resumo

O objetivo deste trabalho é analisar o perfil das pessoas atendidas pela rede APAE que participaram da pesquisa “Pessoas com Deficiência e COVID-19: construção de conhecimento, redes de acompanhamento, cuidado e prevenção” (UnB/Fenapaes/Finatec), buscando relacionar a necessidade de auxílio de terceiros frente aos desafios impostos pela pandemia. Trata-se de um estudo quanti-qualitativo, de caráter descritivo e exploratório. A coleta de dados foi realizada a partir de um questionário on-line, que poderia ser preenchido pela própria pessoa com deficiência, por algum cuidador ou por ambos. Responderam à pesquisa 4.055 pessoas com deficiência atendidas pelas APAEs de 23 estados brasileiros e o Distrito Federal, entre os dias 29 de julho de 2020 e 28 de fevereiro de 2021. Os resultados da pesquisa apontam para um público que apresenta alta vulnerabilidade econômica, baixo grau de escolaridade e situação de dependência, em que poucas pessoas com deficiência responderam ao questionário de forma independente e a maioria necessita de auxílio de cuidados para realização de tarefas do dia a dia. A situação de dependência vivida por grande parte das pessoas participantes da pesquisa aponta para desafios significativos. A vulnerabilidade inerente desse público e a invisibilidadeprovocada pelos processos históricos, sociais e políticos, somada aos efeitos da pandemia do Coronavírus no mundo, precisam ser enfrentadas com maior afinco pelo poder público e a sociedade civil organizada.

Downloads

Publicado

2021-12-23