APLICATIVO GJT - JOGOS EDUCACIONAIS PERSONALIZADOS E A SUA CONTRIBUIÇÃO EM MEIO À PANDEMIA DA COVID-19

Autores

  • Thaís Pires da Silveira

Resumo

Os estudos sobre tecnologia assistiva enfatizam a necessidade de inserir recursos, serviços e estratégias na educação especial e inclusiva para colaborar com o processo de ensino-aprendizagem de pessoas com deficiência. A implementação deste tipo de trabalho nas instituições deve permitir o entendimento sobre o contexto e as situações que marcam o cotidiano do aluno, a fim de ampliar a sua participação no processo escolar. Esse estudo apresenta o aplicativo GJT, que foi idealizado sob a perspectiva de personalizar um recurso direcionado para a necessidade de tecnologia assistiva das pessoas com microcefalia e deficiências múltiplas. Criado em 2019, por uma plataforma digital, o aplicativo é constituído por mais de 15 jogos, entre quebra-cabeças, caça palavras, jogo da memória, entre outras atividades. Trata-se de uma nova ferramenta pedagógica, capaz de potencializar o processo de aprendizagem, de acordo com a necessidade de cada aluno. Os resultados desta análise demonstraram que o assistido que fez uso do aplicativo, conseguiu alcançar êxito nas tarefas não executadas anteriormente, tais como o reconhecimento e a escrita do próprio nome e do nome dos pais. Nesse sentido, reconhece-se que o trabalho, embora incipiente, leva-nos a refletir sobre como o processo de ensino-aprendizagem da pessoa com deficiência pode ser potencializado com o uso de tecnologias assistivas personalizadas. Enfatiza-se, também, que os resultados obtidos auxiliaram as pessoas com deficiência a superarem os efeitos nocivos do momento atual, preservando nelas a capacidade de socialização e aprendizagem.

Downloads

Publicado

2021-12-23