A IMPORTÂNCIA DO PIPA - PROGRAMA DE INTERVENÇÃO PRECOCE AVANÇADO NO DESENVOLVIMENTO DO NEONATO DE RISCO

  • Dirlane Maria Rodrigues Acerbi

Resumo

RESUMO:O presente trabalho registra considerações e resultados sobre o Programa de Intervenção Precoce Avançado (PIPA) que foi instituído pelo Governo de Minas Gerais, implantado e desenvolvido por profissionais de fonoaudiologia e fisioterapia, com o objetivo de antecipar a procura pelo serviço junto ao setor de intervenção precoce para neonatos, de modo a minimizar ou sanar as possíveis sequelas advindas da UTI. Foi firmada parceria entre APAE e  a Santa Casa, ambos de Barbacena para que os neonatos de risco fossem encaminhados automaticamente ao PIPA, passando pelo serviço de uma equipe multidisciplinar. A avaliação é realizada com base no desenvolvimento neuropsicomotor da criança e foi desenvolvida pelas autoras do projeto. A abordagem é feita por monitoramento e intervenção semanal. Observa-se que, quando as famílias são devidamente orientadas desde o início da vida de seus filhos, tornam-se mais seguras e lidam de maneira mais adequada nas atividades do cotidiano, o que resulta em uma estimulação mais eficiente que proporciona um bom desenvolvimento neuropsicomotor da criança.

 

PALAVRAS – CHAVE: Prematuridade. Prevenção. Intervenção Precoce. Desenvolvimento.

Publicado
2018-01-02